Consultoria: um novo papel para o agente de viagens

Fonte: Portal Educação

Atualmente, as agências não podem limitar seus serviços à mera revenda e à representação de produtos turísticos. Essas empresas devem avançar na qualidade de seus serviços e adotar, cada vez mais, a postura de consultoria de viagem, por parte de seus agentes, conceito que ganha força e está cada vez mais presente nas agências de todo o país.

A consultoria de viagem consiste na prestação de um serviço personalizado, no qual o agente de viagens atua como um conselheiro da viagem do turista, oferecendo informações e serviços únicos que encantam a vida do viajante, que se torna, em médio prazo, fiel e dependente do conhecimento daquele agente.

A atividade de consultoria de viagens exige, em primeiro lugar, que as agências de viagens priorizem suas principais atividades, elegendo quais produtos, consumidores, atividades e fornecedores serão valorizados e focalizados, desenvolvendo estratégias muito mais eficientes e, ao mesmo tempo, otimizando seu relacionamento com fornecedores.

Deve-se estimular, portanto, que os agentes de viagens trabalhem somente com produtos confiáveis ou que conhecem pessoalmente para indicar e vender o que há de melhor no mercado. Caso contrário, sujeitam-se a riscos que podem levá-los à ruína comercial e moral, atingindo indiretamente a reputação dos profissionais do setor, além de gerar ações judiciais, resultando em prejuízos financeiros e de imagem perante ao mercado.

Atualmente, as agências de turismo representam ou organizam uma infinidade de serviços turísticos, tal realidade obriga os profissionais dessa área a possuir enorme conhecimento operacional e tecnológico da atividade turística, pois cada atividade representada requer linguagem, características, legislação, procedimentos operacionais, prazos e descontos promocionais específicos. Além disso, com os novos desafios das agências de viagens, esses profissionais precisam possuir uma qualificação cada vez maior, para continuarem a encantar e fidelizar os seus clientes, exercendo predomínio sobre seus concorrentes.

Os principais atributos dos agentes de viagens moderno e competitivo são: boa apresentação pessoal; vestuário adequado ao ambiente de trabalho; postura profissional, tranquila e compenetrada; comunicativo(a) e atento(a) a linguagem e dicção ao falar pessoalmente ou por telefone; preocupação constante com a organização; iniciativa, criatividade e flexibilidade para a solução de problemas diversos; alto poder de concentração; conhecimento total do produto comercializado; curiosidade e vontade de aprender sempre; conhecimentos profundos de Geografia; conhecimentos gerais e atuais (história, política, economia); conhecimentos técnicos na utilização / manuseio das ferramentas das agências de viagens (GDS, Panrotas) e procedimentos operacionais (emissão de bilhetes , linguagem de mercado, cálculo de tarifa ); visão empreendedora; disposto(a) a aceitar constantemente novos desafios; gosto por trabalho sem horário e rotina rígidos; conhecimento de marketing e nível universitário.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s