Hóspedes assumem que levam artigos do empreendimento para casa

Fonte: UOL Viagem

Uma pesquisa indica que quase 20% dos brasileiros admitem já ter furtado algo de algum hotel em que estiveram hospedados. A pesquisa foi feita pelo site Hotels.com e ouviu 8,6 mil turistas de 29 nacionalidades.

Os dinamarqueses ficaram em primeiro lugar no ranking dos honestos – apenas 12% disseram já ter roubado algo de um hotel. Em segundo e terceiro lugares no ranking vêm Holanda (15%) e Noruega (16%), respectivamente.

O Brasil ficou em quarto lugar, juntamente com Canadá e Hong Kong – 19% admitiram ter levado objetos para casa.  Trata-se do melhor índice entre os latino-americanos. A Argentina, segunda colocada da região, ficou em 11º lugar, com 23% dos entrevistados admitindo furtos em hotéis.

Os menos “honestos” – ou talvez os mais dispostos a admitir o crime – foram os colombianos (57% já levou algo que não deveriam do seu hotel). O segundo pior resultado foi o dos mexicanos – 40% admitiram algum furto. E o terceiro pior o dos indianos – 38% disseram já ter roubado.

A pesquisa mede somente a porcentagem dos que “admitem” a infração. E, embora haja sigilo sobre a identidade dos entrevistados, não há como garantir que eles estão falando a verdade. Um turista que seja tão “desonesto” a ponto de não só roubar hotéis, mas também minta ocultando tais furtos, terminaria sendo classificado como “honesto” no Hotels.com.

Entre os itens mais roubados, segundo o site, estariam revistas, livros, toalhas e lençóis. Os chineses “desonestos” destoariam um pouco dos contraventores de outras nacionalidades – eles prefeririam roubar objetos de decoração, como abajures e relógios.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s