Turismo abre inscrições para cursos de qualificação profissional presencial e online

 

O Brasil quer entrar de vez na prateleira dos grandes destinos mundiais. Mas para receber bem os visitantes, é fundamental capacitar aqueles que estão na linha de frente do atendimento aos turistas brasileiros e estrangeiros. Pensando nesse cenário, o Ministério do Turismo lançou, na última semana, o Brasil + Turismo, um pacote de medidas para fortalecer o setor no país. As ações têm como finalidade trazer soluções técnicas para gargalos históricos, qualificar os trabalhadores do turismo e aumentar o número de turistas nacionais e estrangeiros, além de gerar emprego e renda.

Segundo estudos da Pasta, mais de 80% indicam que o país tem potencial para explorar o turismo como uma alavanca para a economia. Porém, 60% dos brasileiros avaliam que aproveitamos pouco esse patrimônio. E para explorar todo o potencial turístico do país é necessário investir em qualificação, que de tão importante virou um dos itens do Plano Brasil + Turismo. Para atender a demanda do setor, o Ministério do Turismo está investindo em três frentes:  MedioTec Turismo, Brasil Braços Abertos e o Programa de Qualificação Internacional em Turismo.

“Essas ações do Ministério do Turismo mostram que estamos atentos às demandas do setor e que entendemos que assegurar um atendimento de qualidade é uma forma de deixar uma boa intenção no turista e desperta o seu interesse em voltar para o país ou destino escolhido”, explicou o ministro do Turismo, Marx Beltrão.

Destaque para o MedioTec Turismo, iniciativa inédita no país com foco no turismo. Os estudantes serão contemplados com cursos gratuitos para a formação de técnicos de nível médio para atender as necessidades do mercado de viagens. Para 2017 serão disponibilizadas 10 mil vagas para alunos de escolas públicas brasileiras. A previsão é que as aulas comecem em agosto de 2017.

Serão oferecidos sete cursos (técnico em agenciamento de viagens, cozinha, eventos, guia de turismo, hospedagem, lazer, restaurante e bar) nos eixos turismo, hospitalidade e lazer para estudantes que estejam preferencialmente cursando o 2º ano do ensino médio. A previsão é que as aulas comecem em agosto de 2017.

“Vejo essa iniciativa do Ministério do Turismo como sendo da mais alta importância para o nosso setor, tendo em vista que os turistas dependem do preparo desses profissionais para receberem o tratamento mais adequado e ver o MTur envolvido nesse processo demonstra a seriedade com a qual o governo trata o tema”, avaliou o presidente da Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Clia Abremar Brasil), Marco Ferraz.

Para a presidente da Associação Brasileira de Operadoras de Turismo (Braztoa), Magda Nassar, a capacitação é fundamental nos dias de hoje. “É oportunidade do profissional se renovar a cada dia, pois vivemos tempos de constantes mudanças e evolução. Buscar conhecimento é a peça-chave para que agentes e operadores reforcem cada vez mais seu papel de consultores, arquitetos e designers que projetam as viagens de seus clientes de acordo com suas preferências pessoais e os grupos aos quais pertencem”, ponderou.

CURSO ONLINE – Pensando em atingir um número ainda maior de profissionais de turismo interessados em atualização profissional, mas que não dispõe de horário fixo para as aulas, o Ministério do Turismo lançou, no início de abril, o “Brasil Braços Abertos”. Trata-se de uma plataforma tecnológica de aprendizado à distância e em ambiente digital, com oferta de 80 horas de aulas online para profissionais que trabalham no atendimento direto aos turistas, como atendentes de hotéis, taxistas, quiosqueiros e bartenders. As inscrições para 2017 poderão ser feitas até 30 de setembro.

O aluno realizará o curso por meio de celular, tablet ou notebook e contará com videoaulas e jogos educativos. Os interessados podem acessar a plataforma pelo endereço brasilbracosabertos.turismo.gov.br e as aulas deverão ser concluídas até o dia 30 de dezembro.

INTERCÂMBIO – Os estudantes brasileiros também contarão com a possibilidade de aprimoramento fora do país. Um acordo de cooperação assinado em fevereiro entre o ministro do Turismo, Marx Beltrão, e o Encarregado de Negócios da Embaixada do Reino Unido no Brasil, Wasim Mir, estabeleceu uma cooperação de médio e longo prazo no campo do turismo e hospitalidade. A iniciativa prevê o envio, em 2018, de 120 alunos de cursos técnicos e de graduação de instituições públicas e privadas para até três meses de treinamento no Reino Unido. A seleção dos estudantes deverá ser feita no primeiro semestre deste ano. O MTur investirá R$ 5 milhões no programa. A proposta é complementar a formação dos estudantes em outro idioma e técnicas de turismo e hospitalidade.

 

Fonte: Lívia Nascimento, http://www.turismo.gov.br/%C3%BAltimas-not%C3%ADcias/7723-turismo-abre-inscri%C3%A7%C3%B5es-para-cursos-de-qualifica%C3%A7%C3%A3o-profissional-presencial-e-online.html

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s